Tags

, , , , , , , ,

Quem vê o blog todo fofinho não imagina a minha paixão por filmes de ação, e principalmente por todos os Velozes e Furiosos já lançados. Eu sempre acompanhei junto com a minha família, e a cada filme uma sensação nova aparece, o que eu adoro. Eu vou tentar não dar muitos spoilers, e só fazer alguns comentários meio indiretos sobre o filme. 

Se me perguntarem o que eu aprendi vendo todos os filmes, eu responderia: lealdade a família. Foi isso que o Dom sempre priorizou na vida dele, e se ele fez tudo o que ele fez, a maior parcela foi pela família dele.

Esse filme começa nos deixando ansiosos para saber algumas respostas do filme anterior, como por exemplo, se a Letty está viva mesmo. E essa pergunta é respondida de uma forma bem legal no filme. Amei o que fizeram com a personagem e a reviravolta dela na história.

O filme tem muita ação, muita cena com os carros (claro, né?), as cenas impossíveis (que sempre tem que ter), e muita, mas muita reviravolta. Eu senti falta de alguns personagens, mas os presentes fizeram o seu papel muitíssimo bem, além de que a maior parte do filme se passa em uma das minhas cidades favoritas do mundo: Londres.

Outra coisa que eu gostei muito, foi a abertura do filme. Eu até brinquei que parecia coisa de seriado mesmo, mostrando cada personagem, em cenas dos filmes antigos, e para fechar a abertura todos andando juntos. E falando em cenas dos filmes antigos, não levantem da cadeira quando o filme acabar. Tem cena após os créditos (que não demora tanto pra passar, como do Iron Man 3), e faz referência ao Velozes e Furiosos Desafio em Tóquio, só pra deixar uma dica. Lembrando que Rita Ora faz ponta no filme!

Se eu fiquei satisfeita com o filme? Sim. Eles conseguiram me surpreender várias vezes, e até me deixaram triste, por causa de alguns personagens (que eu não posso falar mais nada se não acabo contando muito), mas vale muito a pena assistir.

Se prepare para dar muita risada com o roteiro (eles tem investido bastante em botar comédia ali no meio), muitas cenas com a sala inteira gritando: “wooooooow”, e algumas outras perguntas pendentes!

Lealdade a família pode até ser uma vulnerabilidade, mas pelo menos você vai saber pelo que está lutando.

P.S. Vin Diesel (Dom Toretto) está incrível, assim como Paul Walker (Brian), Dwayne Johnson (Hobbs), e o Sung Kang (Han), um dos meus favoritos, se não for o favorito.

Anúncios