Tags

, , , ,

Nos últimos dias comecei a pensar sobre a palavra amizade. Eu tinha certeza que sabia o seu significado, e poderia dizer de olhos fechados quem era de verdade e quem não era. Mas as coisas mudam. O tempo muda, e a gente também.

Eu tive milhões de “melhores amigas”. Algumas continuam comigo até hoje, mesmo de longe. Outras aparecem de vez em quando só para fazer um social, mas depois “puff”, desaparecem.

Algumas estão comigo não importa o que aconteça. Me corrigem quando estou errada, mas estão sempre do meu lado quando sabem que estou certa. Algumas me apoiam nos piores momentos, e entendem o que me faz bem e o que não faz.

Olhando pra trás, eu percebi que eu posso chamar de melhor amiga e quem eu não posso.

Muitas pessoas assim como ela, podem dizer que é imaturo da minha parte pedir isso. Mas amizade é amizade cara. A pessoa te viu sofrer, te viu na pior, viu acabarem com sua família, pisarem em cima de vocês, viu inventarem mentiras na cara dura, e agora vira “melhor amiga” dessas pessoas? Eu realmente não consigo entender.

Não é questão de querer exclusividade, ou querer dizer com quem se deve ou não falar, mas meu amigo, você ter que ver sua “melhor amiga” tirando foto e falando “eu te amo”, “você é demais”, “nossa, como você é uma pessoa boa”, para as pessoas que destruíram sua vida, é, acho que isso não é amizade, e sim interesse.

Em partes, eu acredito agora no que um professor disse uma vez. “Não existe amor, e sim interesse”, mas sobre isso eu falo depois.

Acredito que amigo é aquela pessoa que se pode confiar de olhos fechados. É aquela pessoa que vai te defender quando você precisar, que jamais faria algo para te magoar. Amigo é aquela pessoa que ensina, mas ama. Que te entende, que chora, ri, dá a volta no mundo, mas tá ali com você para o que der e vier. É aquela pessoa que mesmo depois de 3 anos sem se ver, continua tendo o mesmo carinho, afeto, ou até mais. Continua fazendo parte da sua vida, mesmo que indiretamente. É aquela pessoa que nunca te trocaria, por nada no mundo! É aquela pessoa que continua sozinho, mas não se mistura com a falsidade.

“Companhias vem e vão, mas amizades são para sempre”. É assim que é para ser certo?

As coisas mudam. O tempo muda, e a gente também. Hoje eu não penso como antes. Eu cresci, mas as vezes, a gente acaba crescendo sozinho.

Para você, o que é amizade? E até aonde vai o limite da amizade?

Anúncios