Tags

, , , , ,

selecao

Sabe quando você começa a ler um livro e não consegue parar mais? A história de prende tanto que você precisa terminar antes de ir dormir? Então, foi assim com o livro: A Seleção, de Kiera Cass.

Sinopse: Para trinta e cinco garotas, a “Seleção” é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China, e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças entre dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha. Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes. Então America conhece pessoalmente o príncipe. Bondoso, educado, engraçado e muito, muito charmoso, Maxon não é nada do que se poderia esperar. Eles formam uma aliança, e, aos poucos, America começa a refletir sobre tudo o que tinha planejado para si mesma — e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que ela nunca tinha ousado imaginar.

Como a sinopse diz, a história se passa em Illéia, um país jovem dividido em oito castas, sendo as pessoas da oitava as mais miseráveis e os da primeira, a realeza.

America, a protagonista, é como dizem, uma cinco. Ou seja, vive na quinta casa, em uma família de artistas. Há alguns anos, estava em um relacionamento escondido com Aspen, que era da sexta casta. Esse tipo de relacionamento era um pouco “proibido”, eles já quebravam muitas regras para conseguirem se encontrar, e se resolvessem se casar (algo que era planejado por ambos), eles teriam que quebrar muitas barreiras.

Logo no início da história, America se mostra indignada pela ideia de se inscrever para seleção. Competição em que 35 jovens são selecionadas para morar por tempo indeterminado com a família real, para que no fim, o príncipe Maxon escolha uma delas. O concurso é em forma de um reality show onde toda semana o país acompanha as garotas.

Depois de muito vai-e-vem, America resolve se inscrever para a seleção, achando que jamais seria escolhida, mas para sua surpresa, seu nome foi chamado e sua vida mudou completamente.

A partir daí, todo o futuro que “Meri” havia planejado é mudado, e seus pensamentos também.

Se eu não parar por aqui, vou acabar contando o livro todo, mas digo e repito, ele é apaixonante! A história toda é muito gostosa de ler, e realmente te prende. A propósito, eu preciso confessar que me apaixonei pelo Príncipe Maxon, hehehe. Quando acabei de ler o livro, entrei em desespero querendo sua continuação.

the-elite

‘A Seleção’ é o primeiro livro da trilogia de Kiera Cass, e o próximo livro, intitulado ‘A Elite’ tem seu lançamento previsto para o dia 23 de abril, e mais, a autora ainda pretende lançar ‘The Prince’, modo de vista do Principe Maxon sobre A Seleção, e, talvez o livro se torne um seriado. Já estou ansiosa para ver quem interpretará a America e o Maxon, hehehe.

Quem aí já leu o livro? O que acharam?

Escolham brilhar,

Andressa

Anúncios