Mãe. Minha melhor amiga, guerreira, companheira, exemplo minha rainha.

Eu poderia simplesmente começar o discurso de que todos os dias são dia das mães, e isso realmente é fato, mas isso já virou clichê.

Mas nesse dia das mães, meus companheiros de sala, criaram o #DesculpaMae, com o objetivo de, além de dizermos o famoso “eu te amo” para nossas mães, buscarmos na nossa memória coisas que deixaram nossas mães loucas, preocupadas, com vergonha, e pedirmos desculpas.

Então, desculpa mãe, pelo meu quarto bagunçado, pela demora pra lavar louça, e por sempre acabar deixando algo estragado. Desculpa, pela minha falta de paciência, pelos meus gritos e respostas feias. Desculpa, por sempre ter preguiça de ajudar, por sempre ficar no computador, e por sempre ser do contra. Desculpa por sempre acabar ficando com seu celular novo, com sua camiseta nova e com sua bolsa nova. Desculpa por eu ter sido tão “revoltada” na adolescência, por nem sempre ter escutado tudo que você dizia, e por ter feito “caca” quando morei sozinha!

Acho que eu nunca fiz nada de loucura quando era criança, como pintar parede, sair escondido, mas enfim.

Desculpa mãe, por essas e outras!

Sabe, tenho orgulho de ter uma mãe que dizem que parece minha irmã. Tenho orgulho de poder dizer que sou filha dela, e que ela é meu exemplo, e que sempre estarei do lado dela, assim como ela esteve sempre do meu. Minha mãe, é o motivo por eu ser quem sou hoje. Ela que me ensinou como eu deveria ser, agir e me comportar. Ela que me mostrou que eu devo me valorizar, me cuidar, e tomar cuidado com as pessoas. Ela me ensinou, que eu não preciso de maquiagem o tempo todo, pois sou linda do meu jeito. Me ensinou que devo ir atrás dos meus sonhos, e sempre respeitar as pessoas. Me ensinou, que eu não preciso ser barraqueira, nem exagerada na forma como falo, ou como ando. Me ensinou a andar nos caminhos do Senhor, e a entregar tudo nas mãos dEle. Me ensinou que eu não preciso ter medo de sonhar e de tentar, e que eu sempre vou tê-la ao meu lado, e mesmo eu errado, ela vai continuar me amando! Me ensinou que os filhos, são os maiores presentes que nós podemos receber e eu quero ser pelo menos, metade da mãe que ela é para mim!

“Obrigado por todo o amor que você me dá,

ele permanece no interior e vive para sempre comigo

E obrigado de novo para as pequenas coisas que você faz”. (The mom song – Big Time Rush)

Obrigada por tudo o que você é mãe, e mais uma vez, desculpa mãe!

E vocês, já fizeram algo engraçado ou não, para pedir desculpa para sua mãe?

Escolham brilhar,

Andressa

Anúncios